Monica_news_EDP

Mónica de Miranda é uma das 6 finalistas do Prémio Novos Artistas Fundação EDP.

Anunciados os seis finalistas da 13.ª edição do Prémio Novos Artistas Fundação EDP. Isabel Madureira Andrade, AnaMary Bilbao, Dealmeida Esilva, Mónica de Miranda, Henrique Pavão e Diana Policarpo são os protagonistas da exposição do prémio a inaugurar em 15 de Maio no MAAT, em Lisboa.

LatentesI

Panorama: Fantasmas Latentes

A propósito da exposição Panorama (em exibição em Luanda na Galeria do Banco Económico até 25 de Janeiro 2019) da artista angolana Mónica de Miranda, a arquitecta e curadora da exposição Paula Nascimento escreve sobre a reflexão do projecto colonial e o seu impacto na formação das cidades Angolanas como ponto de partida na observação do projecto pós-arquivo da artista.

Latentes2

Panorama: Fantasmas Latentes II

Panorama é o título do projecto e também o icónico hotel construído na década de 60-70 na Ilha de Luanda, onde os hóspedes tinham uma visão panorâmica da Baía de Luanda e do oceano Atlântico, um dos mais emblemáticos e charmosos hotéis em Luanda, há muito desactivado e relegado ao abandono.

ARTISSIMA

Artissima 2018

Primeira galeria angolana na ARTISSIMA – Internacional Fair Of Contemporary Art

SER_CIDADE

SER CIDADE

Os artistas Cristiano Mangovo, Nelo Teixeira, Ricardo Kapuka e Paulo Kussy foram desafiados para se confrontarem com a cidade, nos seus desafios, contradições e demagogias.

MESSU

MESSU – Ciclo de Cinema

A antestreia do ciclo com a curadoria de Maria do Carmo Piçarra coube ao documentário “O canto do Ossobó“ do realizador, Silas Tiny, de São Tomé e Príncipe.

Convite_Exposicao_ Modernismo Africano

Modernismo Africano

Esta exposição do Goethe-Institut já exibida no Senegal, no Quénia, na África do Sul e em Ruanda foi desenvolvida e curada pelo arquitecto alemão Manuel Herz e apresenta edifícios do Quênia, Gana, Zâmbia, Costa do Marfim e do Senegal.

ArtAfrica_Januario

Investec Cape Town Art fair 2018

Januário Jano is an Angolan multi-disciplinary artist who explores the opposing notions of modern pop culture and traditional practises through painting, installation, video, sculpture and photography. This Is Not A White Cube exhibits a solo exhibition of Jano’s artwork within the Tomorrows/Today section at the Investec Cape Town Art fair (ICTAF) 2018 – a space reserved for leading names within the contemporary African Art scene.

BeingHere_Luanda

Being Her(e) Luanda

The exhibition invokes the body as a starting point – a space, simultaneously, intimate and collective.

Revista_Chocolate

BEING HER(E) O corpo da mulher africana

Being_Here

Being Her(e) em Luanda, o significado do feminismo.

Entre a luta contra a marginalização e a estigmatização, assim como com uma redefinição do conceito de que ser mulher não se prende apenas ao belo e ao corpo feminino, a exposição rebate algumas ideias pré-concebidas sobre a feminilidade.

News_AKAA

11 de Novembro angolano sob o prisma das artes

Sónia Ribveiro conversou com a Radio France International, a propósito da participação da galeria na AKAA com obras dos artistas Ana Silva, Januário Jano e Nelo Teixeira.

lagosBienanial_2017

“Living on the Edge”

Januário Jano selecionado para 1ª Edição da Bienal de Lagos.

Rumos_Sónia_Ribeiro_Tinawc_DG

RUMOS

Sónia Ribveiro galerista (TINAWC), escreve sobre O obecto reciclado, reutilizado ou integrado na arte.

Nelo_Teixeira

Entrevista com Nelo Teixeira.

A arte de converter o lixo… em arte.

Ambundulando_JanuarioJano

AMBUNDULANDO, tecendo biografias sobre o mapa da memória.

Análise e entrevista sobre a exposição de Januário Jano, com curadoria de Paula Nascimento e Suzana Souza.