AMBUNDULANDO

23/07/2017 By

Exposição de Januário Jano, um trabalho que surgiu através do processo de desenvolvimento ao longo do último ano e meio, onde o artista explora complexidades e idiossincrasias dos processos de construção da identidade. Ao recuperar práticas e rituais típicos dos povos Ambundo, provenientes de Luanda e arredores, e também práticas e rituais tão patentes na sua própria história familiar, Januário embarca num processo de pesquisa histórica e pessoal.

Em AMBUNDULANDO Januário Jano apropria-se de referências literárias, memórias pessoais, questões da vida contemporânea angolana, (re)cria rituais, criando uma narrativa fragmentada – onde o carácter político da memória colectiva e o carácter pessoal da memória individual cruzam-se, interceptam-se, chocam-se e sobrepõem-se em diversos momentos.

Article about the project

Feature at PROTOCOLLUM